Sugestão de interpretação : O Horto Perfumado

O Jardim das Delícias: Publicado no Brasil como O Jardim Perfumado, este é um dos clássicos eróticos do mundo árabe. Escrito no século XVI pelo xeque Umar ibn Muhammad al-Nefzawi, o livro conta a história de um homem que ficou com o pênis ereto durante 30 dias sem parar – haja disposição! A obra destaca os métodos para excitar as mulheres, para retardar a penetração e mostra formas de o homem controlar a ejaculação para a mulher chegar ao orgasmo junto com o parceiro, além de ensinar posições para lá de excitantes. Tem mais: o livro fala sobre traição, impotência e sabe aquela história de pênis ou vagina grandes, incompatíveis com pênis ou vagina pequenos? Já era! A obra ensina como casais com características físicas diferentes podem, sim, fazer amor com o máximo de prazer. Vítima confessa – e por pura e espontânea vontade – do poder feminino, o xeque Nefzawi escreve, em O Jardim Perfumado do Xeque Nefzaui (Editora Record), que se a mulher não for excitada com carícias preliminares, beijos, pequenas mordidas e toques, os homens não obterão delas o que desejam e não sentirão prazer, nem despertarão nelas afeto ou amor. Acertou em cheio, não é mesmo? Então, dá uma olha nas outras dicas bucetas.

Beija, beija muito! Cafeína está para sono assim como beijo está para sexo: boca na boca ou onde você quiser é o mais forte estimulante na hora H. O beijo deve fazer parte do sexo. Quer a técnica? Segundo o xeque descreve no livro, lábios úmidos e sucção da língua – não há nada melhor! E a iniciativa deve ser dos homens. Primeiro, mordiscando suave e ligeiramente a língua da amada. Depois, indo com mais sede ao pote, a la Verônica Volúpia. E não tenha vergonha dos “estalos”. Para o xeque Nefzaui, beijo tem que ser sonoro. Outro suprassumo do sexo, de acordo com ele, é dar apelidos incomuns e criativos às partes íntimas dos homens e das mulheres – além de excitante, é divertido e aumenta a intimidade do casal xvideos.

A luxúria e também lascívia feminina – curso!

Maio, um mês tão especial e repleto de comemorações muito simbólicas para mim! Por isso resolvi lançar um curso prático do meu livro: “Elas podem e devem”, que consiste em enfatizar e ressaltar a sua sensualidade e sexualidade videos de sexo (que são coisas diferentes, viu?! rs) Entre os temas abordados no livro e curso está o pompoarismo, que para a saúde ajuda na prevenção de problemas com a musculatura da pélvis, evita incontinência urinária, flacidez. Faz com que os músculos fiquem bem fortes, assim o homem sente mais o órgão da mulher e vise versa. Veremos ainda xvideos gay como melhorar a autoestima, o autoconhecimento, superar a timidez, técnicas diferenciadas, momento a dois, e muito mais! Curso Sensualidade e Sexualidade Feminina – baseado no livro Elas Podem e Devem!

Porque razão chegar ao orgasmo é complicado?

Na hora da relação sexual, atingir o orgasmo ainda é uma grande dificuldade para boa parte das mulheres. Dados da Secretaria da Saúde do Estado de SP apontam que 18,2% das brasileiros famosos nus recebem o diagnóstico de anorgasmia (ausência de orgasmo) e 5,2% de inibição sexual generalizada, que aponta para problemas de excitação durante as relações sexuais. Mas, por que chegar ao clímax é assim tão complicado? O que mais acarreta problemas é o lado psicológico da mulher. A grande maioria dos diagnósticos de distúrbios sexuais é de natureza psicológica, social ou cultural. Somente 13% das pacientes têm problemas de natureza orgânica, como alterações hormonais ou distúrbios originados por alguma doença. A falta do orgasmo faz muitas mulheres acreditarem que são frígidas pelo fato de não chegarem ao orgasmo. Mas nem sempre é esse o motivo, já que a frigidez se caracteriza quando a mulher não apresenta nenhum desejo sexual. Na realidade, ela não chega ao orgasmo porque não tem vontade alguma de fazer sexo. Outra característica do problema é a falta de lubrificação vaginal. Ter paciência e conhecer o próprio corpo pode ser um grande passo para conseguir alcançar o clímax. As mulheres, em geral, apresentam uma demora maior quando o assunto é chegar ao orgasmo, isso é fisiológico. Os homens são mais rápidos, mas a relação sexual vai muito além da penetração, que normalmente é o que leva ao orgasmo masculino”, diz ele. Todo o preparo prévio, seja o clima romântico, as preliminares ou as carícias são fundamentais para que as mulheres nuas cheguem ao orgasmo com mais facilidade. Mas não é só isso. Muitas vezes, pequenas atitudes podem agilizar o processo. A consultora de RH, Renata*, diz que só resolveu o problema depois de reconhecer o que a fazia sentir prazer. “Namorava há mais de dois anos e nunca tinha chegado ao orgasmo. Então, resolvi procurar ajuda de um especialista, que sugeriu que eu me tocasse para conhecer melhor meu corpo, além de conversar abertamente com meu namorado. Segui seus conselhos e consegui me soltar mais na cama, e, consequentemente, o orgasmo apareceu”, diz. Para facilitar a chegada ao orgasmo, é preciso conhecer o corpo feminino, e isso vale tanto para os homens quanto para as próprias mulheres. A masturbação é uma aliada, quando o assunto é chegar ao clímax, e a mulher pode usar o artifício em diversas ocasiões. A mulher pode se masturbar sozinha, seja para reconhecer o corpo ou para sentir prazer, mas também pode usar o método durante as relações sexuais para provocar a excitação. A mulher pode se masturbar sozinha, mas também pode usar o método durante as relações sexuais. Dicas para atingir o orgasmo com mais facilidade: converse com o seu parceiro, não se prenda só ao orgasmo, aproveite as preliminares; toque seu próprio corpo, fale o que você deseja na hora do sexo; esqueça os problemas e aproveite o momento.